A Menina Mais Fria de Coldtown

Edição: 1
Editora: Novo Conceito
ISBN: 9788581634036
Ano: 2014
Páginas: 384

No mundo de Tana existem cidades rodeadas por muros são as Coldtowns. Nelas, monstros que vivem no isolamento e seres humanos ocupam o mesmo espaço, em um decadente e sangrento embate entre predadores e presas. Depois que você ultrapassa os portões de uma Coldtown, nunca mais consegue sair. Em uma manhã, depois de uma festa banal, Tana acorda rodeada por cadáveres. Os outros sobreviventes do massacre são o seu insuportavelmente doce ex-namorado que foi infectado e que, portanto, representa uma ameaça e um rapaz misterioso que carrega um segredo terrível. Atormentada e determinada, Tana entra em uma corrida contra o relógio para salvar o seu pequeno grupo com o único recurso que ela conhece: atravessando o coração perverso e luxuoso da própria Coldtown. A Menina Mais Fria de Coldtown, da aclamada Holly Black, é uma história única sobre fúria e vingança, culpa e horror, amor e ódio.

proibido

Introdução

Em A Menina Mais Fria de Coldtown, Tana acorda e encontra-se rodeada por gente morta. Porém, há outros sobreviventes, um deles seu ex-namorado. Tana se arrisca a salvar os sobreviventes atravessando Coldtown. Porém, quem entra em Coldtown, jamais volta.

Parece confuso? Pois é, esse livro em geral é um misto de confusão e criatividade. Holly Black me decepcionou bastante, pois acabei encontrando um livro que não parecia ter sido escrito pela mesma. Embora eu tenha lido apenas 2 livros da autora, nunca os vi tão confusos quanto.

Narrativa

Fiquei meio em dúvida com leitora qual a real vontade d0a autora com a narrativa em si. Às vezes a sensação era de que era contada em primeira pessoa, outras em terceira. Tana é o foco. Mas não é uma personagem com a qual lidei bem. Não senti nenhuma sensação ao acompanhá-la. Os outros personagens também. A única sensação é a vontade de fazer algo meio “extraordinário” e como consequência, morreu na praia. Senti algumas frases bem estranhas durante a leitura, não sei se deve ao fato da tradução, ou da revisão feita pela editora. Mas muito do que se encontra ali, não faz o menor sentido.

Diagramação

A capa do livro foi questionada por muitos leitores, confesso que gosto muito dela. As ferramentas de divulgação do livro também foram interessantes, é um livro bonito.

Considerações Finais

Antes de lê-lo, comentei com alguns amigos que já haviam lido, só rasgaram elogios. É engraçado como o gosto de cada leitor pode variar. Para mim, infelizmente, a trama não funcionou. Não sei responder se leria a continuação da série. Mas para quem não desistiu de uma trilogia antes… provavel que o faça. Mais uma chance para, Black. Pois nessa, infelizmente não deu.