Flogging Molly

Dave King: voz, guitarra acústica, guitarra elétrica e bodhran.
Dennis Casey: guitarra elétrica, guitarra acústica e voz.
Matthew Hensley: acordeão, sanfona, piano e voz.
Nathen Maxwell: baixo e voz.
Bridget Regan: violino, tin whistle, guitarra clássica, Tubos Uilleann e voz.
Robert Schmidt: bandolim, mandola, banjo e voz.
George Schwindt: Bateria e percussão.

Fundada em Los Angeles em 1997, Flogging Molly sempre desafiou o gênero. A originalidade de suas músicas é uma questão de honra e chave para a criatividade da banda, quase como uma urgência. A fusão do punk rock, o gênero irish e com os instrumentos célticos: violino, bandolim e acordeão.

Site oficialFanpage

Discografia

Alive Behind the Green Door – 1997
Swagger (2000)
Wiskey On A Sunday (2006)
Float (2008)
Speed of Darkness (2011)

Melhor clipe

Escolhi o clipe de “Float“, pois sou fissurada por animação, principalmente quando ela é bem feita e mostra algo diferente e bem harmônico com a música.

Comentários Kauê

Banda formada por 7 interegrantes tendo varios instrumentos diferentes em varias musicas tendo fortes influencias no punk rock mais misturando com instrumentos como violino bandolim e acordeão nunca colocados com uma musica que representa um grito da juventude na época.

Revolution:Representa muito sobre a revolta de um trabalhador com o sonho americano.O classico punk rock e com uma intereção super dinamica entre todos instrumentos utilizados bateria,guitarra,violino,acordeão,baixo ,voz e também com trompetes na musica fazendo uma parte diferente que seria um solo como normalmente visto em musicas ,dessa vez com trompetes.

Don’t Shut ‘Em Down :Um outra musica que mostra muito a proposta da banda de mensagem forte dentro do punk rock com esses instrumentos majestosamente colocados em harmonia com momentos diferentes nessa musica dando um destaque para  o baixo em certa parte.

Saints & Sinners: Uma introdução muito peculiar tendo uma pega um pouco mais folk/country bandolim muito bem explorado na musica a fora e também times de entrada de voz junto com as batidas da bateria e percussão que tem deixam uma das musicas mais diferentes deles.

“Float”:Musica que originou o clipe que você pode assistir aqui em cima.Musica com pegada com violão como instrumento base.Como se apresentam os instrumentos o baixo  e  violino e genial ate mesmo quando entra a bateria e bandolim fica algo angelical diria ate digno de filme.O clipe expressa bem o sentimento e o som em geral .Ate mesmo num momento da musica o vocal expressa mesmo o sentimento da musica.


comentários

  1. eu já comecei lendo o post tendo que parar para descobrir oq era bodhran… aprendi uma coisa nova hj =)
    adorei a dica de banda, eu adoro essa integração de instrumentos diversos como o violino, bandolim e achei o clip muito fofo! concordo com vc adoro animações então sou meio parcial no comentário

  2. nunca tinha ovido nada a respeito desse grupo, procurei por umas musicas deles e ate que gostei

  3. Não conhecia ainda o grupo. Fui procurar aqui e gostei do que ouvi, mas vou precisar ouvir mais músicas para formar uma opinião. Obrigada pela dica!

  4. Oi Amy, como já havia dito em outro post aqui, eu sempre gosto de ver postagens em blogs dando dica de musicas, pois gosto de sempre está atualizando minha play list, mas olha infelizmente não curti muitos as dicas de hoje. Mesmo assim excelente post. 😉

  5. Se me perguntassem algum dia o que é “Irish”?!, jamais iria dizer que é um gênero musical. kkkkkk
    Gostei da levada da banda. Essa mistura que eles fizeram deu super certo. Tanto é que estão juntos desde 1997.

    @_Dom_Dom

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*