O episódio 01×03

Nesse episódio, Jessica e Luke tem o relacionamento mais desenvolvido ♥ e o que dizer isso? Pode ser para o bem como para o mal, não vou tirar esse gostinho de vocês. São altos e baixos em poucos minutos. Esse episódio cenas quentes são bem mais frequentes, não que isso seja ruim, mas em alguns momentos pode se tornar cansativa para os mais puritanos. Eles estão se entregando com uma intensidade a esse relacionamento. Mas não é o happy ending, a vida de Jones não é fácil, lidar com tantos desafios e perdas são bem frequentes na vida da moça.

Jessica pede ajuda a Trish, para que divulgue a inocência de Hope na rádio onde ela comanda o Trish Talk. Só que a moça acaba falando mais do que deve e Jessica morre de medo da retaliação por parte de Kilgrave. Finalmente, nesse episódio, vemos Kilgrave por alguns poucos minutos no presente, algo que até então… não tínhamos acesso. Um pouco de suspense e descobertas perturbadoras. Só para complementar o círculo vicioso e doentio do vilão x heroína.

E claro, ela estava certa, Kilgrave tramou para Trish, por sorte, Jessica chega a tempo e ainda consegue o paradeiro do mesmo. Claro… isso não acontece por muito tempo. Aquele homem é mais escorregadio que sabonete molhado. Lembra que falei da ligação de Jessica e a mulher de Luke? Pois então… nesse episódio é esclarecido a ligação entre as duas.

Considerações finais

Mais um episódio cheio de ações, personagens ganham a trama – além da Jessica f* Jones -, e com lutas e perseguições dignas de padrão Marvel. Nível de amor pela série: 78%. E tá subindo…