Deuses Americanos - Neil Gaiman

deusesamericanos

Deuses americanos

ISBN-13: 9788551000724
ISBN-10: 8551000721
Ano: 2016 / Páginas: 576
Idioma: português
Editora: Intrínseca


Introdução

Em Deuses Americanos, Shadow está quase a sair da prisão após 3 anos de permanência, e recebe uma notícia que pode mudar seus planos de rever sua esposa. Ao sair, conhece Sr. Wednesday (sim, quarta-feira), que lhe oferece uma proposta nada comum, que acaba a ceder e sua terá um rumo diferente do que havia planejado.

Sobre Neil GaimanFoto -Neil Richard Gaiman

Neil Gaiman nasceu em 1960, na cidade de Portchester, Inglaterra. Desde pequeno, demonstrou sua ligação com os quadrinhos. Seu trabalho mais conhecido é “Sandman”, que o imortalizou entre os fãs de HQs. Por 75 números, Gaiman e “Sandman” foram se tornando cada vez mais famosos. A série tornou-se o carro-chefe do selo Vertigo, destinado a um público geralmente adulto que não queria mais saber de super-heróis. O autor ganhou reconhecimento da crítica ao receber prêmios ao redor do mundo, entre eles o prestigiado World Fantasy Award, geralmente concedidos apenas a obras em prosa.

Entre outros vários trabalhos com HQs, romances e roteiros, Gaiman publicou os livros “Coraline”, “Deuses Americanos” e “O Livro do Cemitério”.

Narrativa

Cheia de elementos interessantes, a narrativa acaba por conquistar pela forma como é conduzida e como os personagens vão sendo incorporados aos acontecimentos. Gaiman tem personagens incomuns e muito interessantes para serem explorados na narrativa. Shadow está longe de ser perfeito e inteligente, pelo contrário, ele é o oposto. A ingenuidade do personagem sem lidar com as consequências é uma das suas características mais fortes. A  trama de Gaiman vai além das palavras, promove questionamentos de moral, ilegal, caráter e religião.

Diferente dos outros livros do Gaiman, exige atenção e é repleto de detalhes que não podem ficar para sua conclusão. A vinda dos deuses a América é algo que torna a trama ainda mais fascinante, a mescla do real e o irreal é bem presente. O começo desse livro sempre será minha parte favorita, aquela sensação de não saber o que vem a seguir, um caminho a trilhar, é algo que me agrada bastante. A road trip incutida, também é cativante.  .

Projeto gráfico

Trabalho gráfico bem elaborado e com a identidade do Neil nas publicações pela editora. Diagramação bem feita e só torna a leitura ainda mais agradável.

Considerações finais

Deuses Americanos, foi uma experiência completa e quem diz que isso não é o melhor do Gaiman até hoje, não leu o mesmo livro que eu li. Excelente em sua construção como narrativa e a construção dos personagens também não deixa nada a desejar. Se começar por esse, saiba que já está com a obra-prima de Gaiman nas mãos.

0 I like it
0 I don't like it

Estudante de produção editorial, graduada em cinema e webdesign. Dedicada, apaixonada por café, livros, filmes e exposições. Não vivo sem os livros do Stephen King, Joe Hill e Harlan Coben. Em minha playlist não falta: Green Day, American Authors, Strokes, The Lumineers, Amy Winehouse, One Republic, Carla Bruni, Foo Fighters, RHCP, The Doors, Ramones e AC/DC.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *