Dezesseis

ISBN-13: 9788550301532
ISBN-10: 8550301531
Ano: 2017 / Páginas: 240
Idioma: português
Editora: Universo dos Livros

[button color=”black” size=”normal” alignment=”center” rel=”follow” openin=”newwindow” url=”https://www.saraiva.com.br/dezesseis-9474739.html?sku=9474739&force_redirect=1&pac_id=25371&utm_source=buscape&utm_medium=comparador&utm_campaign=cpc_0301-9474739_25371″]Saraiva[/button] [button color=”black” size=”normal” alignment=”center” rel=”follow” openin=”newwindow” url=”https://www.amazon.com.br/dp/8550301531/ref=asc_df_85503015315051253/?tag=buscape-14-local-20&creative=380333&creativeASIN=8550301531&linkCode=asn”]Amazon[/button] [button color=”black” size=”normal” alignment=”center” rel=”follow” openin=”newwindow” url=”http://livraria.folha.com.br/livros/romance/dezesseis-rachel-vincent-1355756.html?tracking_number=63&utm_source=buscape&utm_medium=buscape&utm_campaign=buscape”]Livraria da Folha[/button]

 


Introdução

Comecei e recomecei essa resenha várias e várias vezes até ter certeza que consegui passar pra vocês minha experiência com um livro da Rachel Vincent. Preciso compartilhar, foi tão boa que estou tentada a ler tudo o que essa mulher já publicou.

“Nós temos cabelos castanhos. Olhos castanhos. Pele clara. Somos saudáveis, fortes e inteligentes. Mas só uma de nós já teve um segredo.”

Em Dezesseis, Dahlia 16, é a protagonista e por ela, somos apresentados a Lakeview, um lugar onde a produtividade é levada muito a sério. Ela faz parte do Departamento da Força de trabalho, lá ela é apenas um número. Junto com ela, existem 4.999 garotas iguais a ela, foram criadas para desempenhar seus papéis para a cidade. Tudo ia bem, até ela ficar presa no elevador junto com o Trigger 17, que passam a conversar mesmo que isso seja proibido.

 

Sobre Rachel VincentFoto -Rachel Vincent

Uma moradora de San Antonio, Rachel Vincent tem um BA em Inglês e uma imaginação fértil e consistente, considera que este seja mais prático. Ela divide seu escritório com dois gatos pretos (Kaci e Nyx). Rachel é mais velha do que parece, e mais jovem do que ela sente, mas continua convicta de que a cada dia que passa a escrever, mais um dia serão adicionados à sua vida.
Seus autores preferidos são Stephen King, Anne Rice e Faye Kellerman.

Edição estrangeira

25796631

Narrativa

A narrativa é feita sob o ponto de vista da Dahlia 16, e aos poucos somos apresentados aos cinco departamentos que compõem Lakeview (Força de trabalho, Artes, Especialistas, Defesa e Administração.

Uma trama bem estruturada e com personagens inusitados, Rachel tem uma escrita viciante. Fazia um bom tempo que não ficava tão animada com uma narrativa e o seu desenrolar. Adoro o tema de manipulação genética e como os segredos de Lakeview chegam à tona. O tema muito em voga sobre sair do padrão e se arriscar ao diferente, torna a trama ainda mais interessante.

Projeto gráfico

Me apaixonei logo de início pela capa. Não tenho o costume de me encantar com capas que tem pessoas, porém, ela me chamou bastante antenção pelo contraste, queremos conhecer a garota diferente e felizmente, o livro é bom o suficiente para tornar a experiência ainda melhor.

Considerações finais

Dezesseis, é um livro pra quem está cansado de mais do mesmo. Algo bastante criativo e que te tire o fôlego. O final da trama é a cereja do bolo. Uma ótima pedida para várias idades e gostos.

comentários

  1. AYMÉE!
    Tão bom ler um livro de ficção que parece crível, porque todo desenrolar da trama é bem escrita e fundamentada. E ainda traz uma protagonista que busca sua individualidade em um mundo que até então não sabia existis.
    Quero poder ler.
    CHEIRINHOS
    RUDY

  2. Quero muito ler este livro desde que me deparei com sua sinopse na lista de desejados, e após isto comecei a ler resenha positivas, sobre esta leitura, e me senti ainda mais cativada. Vejo que esta estória lhe envolveu, e te surpreendeu, principalmente o final, confesso que estou ansiosa por ter meu exemplar em mãos.

    Participe do TOP COMENTARISTA de Julho, para participar e concorrer aos livros “O Casal que mora ao lado” e “Paris para um e outros contos”.
    http://petalasdeliberdade.blogspot.com.br/

  3. Rudy, tenho certeza que vai gostar do livro… ele tem o frescor que alguns livros deixam a desejar.
    😀

  4. Adoro livros de Ficção, fiquei com uma vontade louca de desvendar esse misterio de todas serem igaius, e depois que vc disse que o final é surpreendente, Eu quero muito esse livro!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*