Mulheres perigosas

ISBN-13: 9788544104804
ISBN-10: 8544104800
Ano: 2017 / Páginas: 736
Idioma: português
Editora: Leya


Introdução

Ler um livro de mais de 700 páginas pode ser considerado algo difícil. Porém, os contos são tão bons que a leitura fluiu até mais do que eu esperava. Li ele juntamente com outros dois livros, pois não conseguia levá-lo para ler durante o trajeto do trabalho, mas no fim, tudo saiu conforme o esperado. Boas estórias e um montão de autores novos para conhecer suas tramas mais a fundo.

Em Mulheres Perigosas, é uma antologia editada por George R.R. Martin e traz 21 histórias inéditas que abordam temas como, por exemplo: ciúme, ambição, traição e magia. As protagonistas? Mulheres guereiras, destemidas e até assassinas. Deixe de lado as mulheres frágeis que precisam de um herói para salvá-las.

Para não estragar a surpresa de vocês, comentarei apenas 3 contos que mais gostei e que mereciam destaque de alguma forma.

Edições estrangeiras

17279560 23835570 24778429 34002352 26050027

Narrativa

Brandon Sanderson nos encanta com “Sombras nas florestas do Inferno“, Silêncio tinha uma vida comum e tranquila como dona de uma pousada em Florestas, até que ela reconhece Chesterson, um dos crimosos mais perigosos e decide matá-lo para ganhar uma farta recompensa. Silêncio é uma protagonista de mão cheia, além dela, suas filhas também tem destaque. Brandon cria um universo bem interessante e aos poucos somos cativados. Se tem um autor que fiquei morrendo de vontade de ler um livro solo, foi Brandon Sanderson.

Vizinhos” de Megan Lindholm, também foi uma experiência totalmente nova. Sarah Wilkins, é uma senhora que já sofreu bastante na vida, perdeu pessoas próximas, inclusive seu marido. Os filhos dela, acham que está na hora da Sarah ir para um asilo, porém ela não está nenhum pouco feliz de largar sua casa, sua vizinhança e tão pouco suas lembranças. Megan tem uma sensibilidade incrível ao escrever uma trama tão atípica e única nessa antologia.

Raisa Stepanova” de Carrie Vaughn, Raisa é uma piloto de caça russa e a trama se passa na Segunda Guerra Mundial, ela terá de se sobressair para arranjar o seu lugar ao sol em meio a uma profissão dominada por homens. A trama embora tenha um viés mais “realista”, fiquei com a imagem de Mulan na mente, uma das minhas personagens favoritas de desenho animado, mas que tem uma coragem sem fim e vai até o fim para atingir os seus ideais.

Todos os contos no geral, são maravilhosos. Alguns mais, outros menos, mas nenhum foi ruim o suficiente para destacar. A seleção foi boa e criteriosa. Uma miscelânia muito boa de sentimentos e sensações durante a leitura.

Projeto gráfico

Gostei bastante do projeto gráfico da Leya, conseguiu chamar atenção, mesmo sendo organizado por ninguém menos que  Sr. George R.R. Martin, teve o seu destaque. A diagramação é boa, com a letra confortável e embora seja um livro volumoso, não é pesado. Boa escolha de gramatura do papel.

Considerações finais

Mulheres Perigosas, foi mais uma boa experiência com antologias, novos autores e muito talentosos. Boas tramas e bons personagens. Recomendo à todos que gostam de antologias e que estão dispostos a se aventurar em mais uma de ótima qualidade. O tamanho? foi só um mero detalhe.

comentários

  1. Amy!
    Que livro fenomenal!
    Mostra mesmo o quanto as mulheres tem criado poder e tomado as rédeas de suas vidas, sem precisar depender dos homens.
    Importante o livro!
    Desejo uma ótima semana!
    “A vida guarda a sabedoria do equilíbrio e nada acontece sem uma razão justa.” (Zíbia Gasparetto)
    Cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA DE AGOSTO 3 livros, 3 ganhadores, participem.

  2. Acredito que este livro será para mim também uma ótima experiência antologia, só não imaginava que a trama tinha 700 páginas, e vinte um contos, de mulheres destemidas, e guerreiras, anti heroínas, isto de certa forma já foi suficiente para me cativar. Além do mais a narrativa me pareceu fluidas e inteligente.

    Participe do TOP COMENTARISTA de AGOSTO, para participar e concorrer Ao livro “Dois Mundos”, o primeiro da série “Tesouros da Tribo de Dana” da escritora Simone O. Marques, publicado numa edição linda pela Butterfly Editora.
    http://petalasdeliberdade.blogspot.com.br/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*