A Luz Que Perdemos

ISBN-13: 9788580418408
ISBN-10: 8580418402
Ano: 2018 / Páginas: 272
Idioma: português
Editora: Arqueiro


Introdução

Em  A Luz que Perdemos,  Lucy e Gabriel em meio a tantas adversidades, se conheceram na faculdade em um dia marcado na história do EUA e do mundo, o atentado de 11 de setembro. Ambos resolvem arregaçar as mangas e tentam fazer a diferença na vida das pessoas, sendo assim, querem abraçar o mundo. Porém, com o tempo, se destanciam. Porém, o destino os une novamente, mas isso não dura muito tempo, Gabe recebe uma proposta e deixa Lucy novamente, o que a deixa desolada. Um relacionamento de encontros e desencontros que envolve paixão, medo, amor, traição e tudo o que vem de consequência. O que é inegável é que o amor que um sente pelo outro ainda é mais forte do que qualquer outro relacionamento que vão ter no meio do caminho.

Sobre Jill Santopolo

Foto -Jill Santopolo

Jill Santopolo é autora de séries infantojuvenis de sucesso, além de diretora editorial da Philomel Books, selo infantil da Penguin. Formada pela Universidade Columbia, dá aulas de escrita criativa na New School, em Nova York. A Luz Que Perdemos, seu primeiro romance para o público adulto, foi traduzido para 34 países e já teve os direitos vendidos para uma adaptação cinematográfica.


Narrativa

Narrado em primeira pessoa por Lucy, acompanhamos todos os encontros e desencontros com Gabe, foram 13 anos de história e que de alguma forma ganham destaque. A vida de Lucy e Gabe mudam muito, afinal seguem e voltam com suas vidas, se recuperem e vão em busca de algo maior. O que me agradou no livro foi a semelhança com Um Dia, eu adoro a escrita de David Nicholls e consegui ser cativada por Jill. Os personagens, a ambientação… tudo é bem descrito, a escolha de Lucy narrando a trama, tornou tudo mais latente e “real”, nada é perfeito. Todos tem falhas e acertos.

Projeto gráfico

Eu fiquei apaixonada pela capa, gostei bastante do projeto gráfico. A diagramação facilita a leitura, embora seja simples, gostei bastante.

Considerações finais

A Luz que Perdemos, é uma das leituras mais interessantes que tive oportunidade de fazer neste ano. Personagens bons, trama bem desenvolta, mal vejo a hora de poder conferir a adaptação pro cinema. Tenho certeza, que será tão boa quanto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*