O Começo do Adeus

Edição: 1
Editora: Novo Conceito
ISBN: 9788581630397
Ano: 2012
Páginas: 208

Anne Tyler nos leva a um romance sábio, assustador e profundamente tocante em que descreve um homem de meia-idade, desolado pela morte de sua esposa, que tem melhorado gradualmente pelas aparições frequentes da mulher — na casa deles, na estrada, no mercado. Com deficiência no braço e na perna direita, Aaron passou sua infância tentando se livrar de sua irmã, que queria mandar nele. Então, quando conhece Dorothy, uma jovem tímida e recatada, ele vê uma luz no fim do túnel. Eles se casam e têm uma vida relativamente modesta e feliz. Mas quando uma árvore cai em sua casa, Dorothy morre e Aaron começa a se sentir vazio. Apenas as aparições inesperadas de Dorothy o ajudam a sobreviver e encontrar certa paz. Aos poucos, durante seu trabalho na editora da família, ele descobre obras que presumem ser guias para iniciantes durante os caminhos da vida e que, talvez para esses iniciantes, há uma maneira de dizer adeus.

proibido

Introdução

Era um dos livros que sinceramente, li sem pensar ou definir algo antecipadamente.

Narrativa

O livro é muito bem escrito, tem uma temática um pouco complexa e difícil de ser colocada em palavras pois é um sentimento que vai fluindo durante a narrativa. O ponto bem peculiar da trama é o fato de que nosso protagonista é um editor da editora que publica manuais para iniciantes *tradução generosa*. Ao mesmo tempo que a premissa inicial é mostrada o seu trabalho também é bastante discutido e aprofundado.O que me fez gostar um pouco mais da trama. Outro fator que me encantou durante a leitura, foi o fato de mostrar um casamento, um casal que já enfrenta crises e que mesmo que estivessem ausentes, sentiam muito carinho um pelo outro.

O que me incomodou um pouco na trama foi o fato da autora no final tender ao trivial, sem nenhum tipo de novidade para os livros do gênero. Gosto do diferente e o final desse livro não me surpreendeu, nem um pouco.

A falta de um quê a mais fez com que o livro não fluisse  pra um caminho interessante. Não é um livro do qual vou me lembrar por muito tempo, pois não conseguiu me marcar como leitora.

Momento Macchiato

“Mas o curioso é que, naquele momento, percebvi que tinha sobrevivido mesmo. … apesar de sentir uma dor constante, parecia que havia me afastado um pouco, sem saber, daquela primeira dor insuportável.” – 101/102

Considerações Finais

Como disse anterioremente, não esperava nada. A escrita de Anne é bem próxima do meu gosto. Porém, faltou um pouco mais de ousadia. Sabe aquele livro que não se arrisca? Não se surpreende. Então, Começo do Adeus soou dessa forma pra mim.