O Falso Príncipe – Jennifer A. Nielsen 

falso_review

Edição: 1
Editora: Verus
ISBN: 9788576861997
Ano: 2012
Páginas: 295
Tradutor: Fal Azevedo

Em uma terra muito distante, a guerra civil é iminente. Para unificar o reino, um nobre chamado Conner trama um plano ousado, procurando por um garoto que se passe pelo filho desaparecido do rei e assuma o trono. Quatro órfãos são forçados a competir pelo papel, entre eles o rebelde e esperto Sage. O garoto sabe que os motivos de Conner são mais do que questionáveis e que sua vida está por um fio – se ele não for escolhido como príncipe na farsa, será morto. Seus rivais tem suas próprias táticas para vencer, e Sage não pode confiar em ninguém. Depois que Sage se muda do orfanato miserável onde vivia para o suntuoso palácio de Conner, os planos de seu novo mestre vão ficando mais e mais claros, até que finalmente a terrível verdade é revelada, provando-se muito mais perigosa do que qualquer mentira na qual ele já acreditou.

proibido

Introdução

O livro já havia me chamado atenção desde o lançamento, porém, uma indicação de uma amiga fez que a vontade fosse maior. Eu confesso que esperava um desfecho menos óbvio, porém a narrativa de Jennifer é bem consistente. Nela encontrará personagens bem desenvoltos – com amadurecimentos e reviravoltas durante a trama -, traições e bastante drama.

Narrativa

A narrativa de Jennifer é bem eloquente. Ela tem uma linearidade bastante firme. A trama é objetiva e pouco descritiva. É pautada pelas ações e idas e vindas no tempo. Há uma linearidade também por parte da leitura, ela começa de maneira bastante calma e chega ao limite em seu clímax. Sage é um personagem cujo leitor irá torcer sem dúvida, porém o desfecho escolhido e seguido pela autora deixou ele como um livro comum nos livros do gênero. Conner é um personagem o qual o leitor terá amor e ódio. Em certos momentos é bom e em outros é ambicioso e duro. O protagonista está a merce de uma escolha. Ele e outros garotos são treinados para ser Jaron. Um deles será escolhido, os outros terão de morrer para que a farsa não seja descoberta. Porém acontecerão brigas, ameaças e até batalhas durante o processo. É uma trama que desenvolve amizades e inimizades. Ela trabalha com dualismos e faz isso de modo bem simplista.

Diagramação

001

A capa do livro por imagens me pareceu diferente quando o peguei em mãos. Ela atrai pela utilização de cores e imagem, porém esperava algo mais brilhoso do que opaco. Possui uma diagramação correta, não cansa os olhos e pode ir virando as páginas até que elas acabem. Folhas amareladas e uma fonte legível fazem com que o processo seja bastante fluído. No ínício do livro temos o mapa de Carthya e das terras vizinhas, é um bom método de colocar o leitor dentro do ambiente criado pela autora.

002

Quote Favorito

 “- Como o príncipe? – perguntou Tobias, inclinando a cabeça – Não, eu poderia fingir ser o príncipe pelo resto da vida. Não me julgue só porque você não é capaz de fazer o mesmo.

As palavras dele me atingiram fundo, e eu o segui, ao lado de Roden, enquanto voltávamos para o quarto. Ambos sabíamos que ele havia vencido aquele round.” – página 146

Considerações Finais

Não é um livro que exige muito esforço. A leitura flue e a escolha de vocabulário que a autora adota é bastante simples. É um livro que não deixa questões para o seguinte. Mas trás a curiosidade da continuação que está prevista para esse ano. Esperemos mais um pouco para saber como Jennifer irá dar continuidade a trama. Espero que ela se supere e seja mais criativa em seu desfecho para que atice os leitores da melhor forma, com um clímax fulminante.

comentários

  1. Eu amo historia de príncipes e princesas. A capa é muito bonita, do tipo igual a Maldição do tigre.

    Se eu disser que este livro está na minha lista de metas vai ser clichê .

    Sua resenha me deixou ansiosa, gosto de leituras fáceis e simples.

    O fato de ter continuação me deixa com um pé atras, você começa a ler e se empolga na leitura e depois fica esperando meses pela continuação.Mas com certeza logo logo estará na minha estante.

    bjo*

  2. Oi Amy,

    Faz um tempinho que quero muito ler esse livro. Parece ser interessante e tem uma narrativa e tema central que muito me agrada. Louco para lê-lo.

    Beijos,
    Asas Literárias.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*