A Seleção

Edição: 1
Editora: Seguinte
ISBN: 9788565765015
Ano: 2012
Páginas: 368
Tradutor: Cristian Clemente

Para trinta e cinco garotas, a “Seleção” é a chance de uma vida. Num futuro em que os Estados Unidos deram lugar ao Estado Americano da China e mais recentemente a Illéa, um país jovem com uma sociedade dividida em castas, a competição que reúne moças de dezesseis e vinte anos de todas as partes para decidir quem se casará com o príncipe é a oportunidade de escapar de uma realidade imposta a elas ainda no berço. É a chance de ser alçada de um mundo de possibilidades reduzidas para um mundo de vestidos deslumbrantes e joias valiosas. De morar em um palácio, conquistar o coração do belo príncipe Maxon e um dia ser a rainha.

proibido

Para America Singer, no entanto, uma artista da casta Cinco, estar entre as Selecionadas é um pesadelo. Significa deixar para trás Aspen, o rapaz que realmente ama e que está uma casta abaixo dela. Significa abandonar sua família e seu lar para entrar em uma disputa ferrenha por uma coroa que ela não quer. E viver em um palácio sob a ameaça constante de ataques rebeldes.

Então America conhece pessoalmente o príncipe. Bondoso, educado, engraçado e muito, muito charmoso, Maxon não é nada do que se poderia esperar. Eles formam uma aliança, e, aos poucos, America começa a refletir sobre tudo o que tinha planejado para si mesma — e percebe que a vida com que sempre sonhou talvez não seja nada comparada ao futuro que ela nunca tinha ousado imaginar.

Introdução

O livro que leva o nome de A Seleção, escrito por Kiera Cass, é um livro que tem a distopia como palco central de uma trama que vai além de um reality para a escolha da esposa de Maxon. Em um mundo onde após vários conflitos, os Estados Unidos é derrotado e surge um novo país chamado Illéa, onde o governo é pautado na monarquia. A população de Illéa é dividida por castas, onde o mais pobre é denominado o numero 8 e o mais rico e importante, leva o número 1. América é a personagem principal dessa trama, ela é da casta dos artistas, ou seja, é uma número 5.

Nesse volume, vamos acompanhar a tragetória de America e ser apresentado a personagens que irão participar dessa Seleção. E outra problemática que temos logo ao início do livro, America é apaixonada por Aspen, porém, esse romance é proibido e escondido, pois Aspen pertecente a uma casta inferior a dela e isso é mal visto. Já que é costume apenas se relacionar com pessoas de castas maiores.

Narrativa

A narrativa de Kiera é narrada pela voz de America Singer, ou seja, temos tudo sob o ponto de vista da protagonista. Aos poucos vamos a conhecendo e vendo suas peculiaridades. O livro como um todo, é basicamente um romance misturado com tragédia. A distopia fica bem aquém com esse volume. Temos alguns pontos em que ela parece, porém não é dominante. Uma candidata que é sorteada e não estava contando com isso e nem tinha o feito por vontade própria. America ganha facilmente o leitor com seu jeito e a sua coragem. É uma garota bastante determinada e vemos que sua intenção em continuar na Seleção é bem pouca. A personagem que mais se destacou pra mim durante a leitura, foi Celente, que nesse livro ganha o tom de ser a vilã, uma das concorrentes ao trono e que está disposta a tudo para conseguí-lo. Desde o início sabemos que sua vontade é a de ter o poder. Maxon vai aparecendo na trama aos poucos, suas características tem um tempo bem lento para ir se desenvolvendo, porém, suas atitudes e situações que são narradas, ganham um viés bastante interessante, o que não ocorre muito com Aspen. Sim, virei uma team Maxon desde o primeiro livro. A fraqueza de Aspen em deixar tudo como deve ser jogada ao destino, me deixou bem desconfortável com ele.

Diagramação

O livro é esteticamente tentador. A capa é bonita e evoca bastante curiosidade ao leitor. A diagramação interna é bastante caprichada, encontrei quase nenhum erro, peguei a terceira edição do livro no Brasil e fiquei bastante contente com o trabalho feito pela Seguinte. Denota bastante carinho e cuidado por parte da editora.

Considerações Finais

Trabalho bastante ousado e bem construído por Kiera. Tive a oportunidade de ler os 3 livros em sequência, imagino o quanto os leitores ficaram ansiosos para a sequência. A cada final de livro, eu ia para o seguinte com vontade de ir a diante nessa Seleção e descobrir quem vai ser a esposa de Maxon.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*