LiteraturaResenhas

Todo caminho é sagrado – Beto Colombo

Todo caminho é sagrado
ISBN-13: 9786555440874
ISBN-10: 6555440872
Ano: 2021 / Páginas: 256
Idioma: português
Editora: Gente

Diversos são os motivos que levam as pessoas a peregrinar à Santiago de Compostela. Turismo, religião, esporte, buscas pessoais. Independentemente da motivação, todos têm algo em comum: o Caminho. O filósofo clínico Beto Colombo escolheu fazer novamente essa peregrinação, agora pela oitava vez, e com uma meta clara: encontrar uma lenda.

Nas caminhadas anteriores, escutou diversas histórias sobre um peregrino que ajudava as pessoas que cruzavam seu caminho. Um ser iluminado, com o dom de ouvir, e responsável por grandes transformações. Depois do encontro com ele, essas pessoas sentiam suas vidas com novo significado e com um bem-estar interior indizível.

Como é possível que, em sete jornadas, partindo de Saint-Jean-Pied-de-Port, e chegando 800 quilômetros depois, em Santiago de Compostela, nunca tenha cruzado com ele?

Em uma jornada com altos e baixos, literal e figurativamente, ele cruzará com histórias e pessoas surpreendentes, inspiradoras e comoventes, aprendendo mais sobre o mundo e, principalmente, sobre si mesmo.


“Quando aceito minha jornada existencial, o caminho se apresenta e passa por mim. Não sou mais um peregrino, sou o próprio caminho.”

Beto Colombo

É meu primeiro contato com a escrita do autor e espero poder ler os outros livros dele em breve, principalmente o “Compostela: passo a passo”.

Se procuram um livro que fala sobre a jornada ao invés de chegar em algum lugar e não levaram consideração o caminho, talvez esse livro não seja para você. A busca do filósofo Clínico Beto Colombo, é a de encontrar uma lenda nessa oitava peregrinação até Santiago da Compostela. Em suas outras peregrinações, ele sempre ouviu falar de um peregrino que ajudava as pessoas que cruzavam o seu caminho. E quando as encontravam, sentiam suas vidas mais completas, um bem-estar sem explicações.
O ponto alto do livro, é a forma como Beto conduz. Em poucas páginas, já estava curiosa o suficiente para continuar a jornada através das suas palavras e experiências. São várias pessoas que cruzam o caminho e contam suas histórias.

Beto nos leva a caminhos, cidades e descreve com maestria e simplicidade. Não é preciso uma escrita rebuscada para passar sentimentos, pelo contrário, a simplicidade torna tudo ainda mais mágico e palpável.

Que livro viu? Com certeza, um dos meus favoritos no gênero.

What's your reaction?

Excited
0
Happy
0
In Love
0
Not Sure
0
Silly
0
Aymée Meira
Aymée, mas pode me chamar de Amy. Adora um bom café, filmes (já perdi a conta de quantos vi) e livros dos mais diversos gêneros, incluindo eles Stephen King, Agatha Christie, Joe Hill, Harlan Coben e Tess Gerritsen.

Você também pode gostar

Mais em:Literatura

Os comentários estão fechados.