Resenhas

A Filha da Minha Mãe e Eu – Maria Fernanda Guerreiro

 

A Filha da Minha Mãe e Eu – Maria Fernanda Guerreiro

A Filha da Minha Mãe e Eu

Edição: 1
Editora: Novo Conceito
ISBN: 9788563219152
Ano: 2012
Páginas: 272
Comprar: R$20,31

Sensível e tão real a ponto de fazer você se sentir parte da família, A filha da minha mãe e eu conta a história do difícil relacionamento entre Helena e sua filha, Mariana. A história começa quando Mariana descobre que está grávida e se dá conta de que, antes de se tornar mãe, é preciso rever seu papel como filha, tentar compreender o de Helena e, principalmente, perdoar a ambas. Inicia-se, então, uma revisão do passado – processo doloroso, mas imensamente revelador, pautado por situações comoventes, personagens complexos e pequenas verdades que contêm a história de cada um.

proibido

Introdução

 O livro de estreia da autora Maria Fernanda Guerreiro pela editora Novo Conceito e o selo Novo Conceito Jovem. É um livro que é marcado pela relação de mãe e filha, como o nome já diz. O livro durante grande parte nos mostra uma relação muito distante e em alguns momentos em batalha entre as mesmas. Um livro que te leva aos extremos.

Narrativa

A narrativa é descritiva e possui vários momentos da vida de Marina. Em um dos momentos mais importantes da vida da mulher, sente a necessidade de ser uma filha e depois tornar-se mãe. Um momento delicado e de reflexão que é muito bem representada nas palavras da autora, é tocante. Uma ficção que tem o pé no chão e trabalha de modo bem conceitual e próximo da realidade. É uma narrativa gostosa, o interesse nos personagens não se perde, só aumenta o que agrada muito mais são os momentos mais complicados, pois nesses momentos as atitudes mais carinhosas ocorrem. A narrativa em primeira pessoa, dá uma proximidade e uma intimidade com os personagens que aos poucos vamos fazendo parte dessa teia de uma família conflituosa e que nos momentos mais difíceis unem forças para lutar e vencer juntos.

Momento Macchiato

 “Para mim, aquela mistura de charme com segurança era uma bomba relógio. Sabia que era um jogo, só não entendia por que resolvi jogar se o fato de ele ser casado, mesmo que numa relação moderna, ia, sim, contra meus princípios. Só muito tempo depois e, infelizmente tarde demais, descobri o motivo:em algum lugar dentro de mim, eu não queria que desse certo. Só assim eu poderia ser tão infeliz quanto minha mãe tinha sido.” – pág 201

Considerações Finais

Um livro de estreia bem bacana, a editora está apostando em muitos nomes interessantes pra um começo de carreira. Espero que a autora escreva mais livros e nos encante com histórias tão lindas como as de Helena e Mariana.

Indicado para

aqueles que desenvolvem o relacionamento afetivo e intenso que é o carinho de uma mãe para com sua filha e vice versa. Gostei muito do livro pois minha mãe é meu tesouro maior e se algum dia eu pudesse escolher a mãe que queria pra mim, seria a mesma. O pai, eu até trocaria… Steven Spielberg tava bom. Ou George Lucas, ou Woody Allen. Assim meu trabalho seria muito mais fácil 😛 kkkk

What's your reaction?

Excited
0
Happy
0
In Love
0
Not Sure
0
Silly
0
Aymée Meira
Aymée, mas pode me chamar de Amy. Adora um bom café, filmes (já perdi a conta de quantos vi) e livros dos mais diversos gêneros, incluindo eles Stephen King, Agatha Christie, Joe Hill, Harlan Coben e Tess Gerritsen.

Você também pode gostar

Mais em:Resenhas

1 Comentário

  1. Amei o post! o livro realmente parece muito bom, uma historia linda *—* fiquei com vontade de ler… você não quer mais naaaaaada como pai neh? kkkkkkkkkk bjokas!

  2. Owwn, gostei!
    Ele vai pra leitura antes agora depois da resenha. Acho que vou acabar me emocionando. Como só tenho minha mãe ela é tudo pra mim <3
    Pausa Para um Café – Resenha de Livros

  3. Aymée meu bem….to lendo esse né…já te falei….e to gostando…o livro é bom….eu to com ódio da Helena….gente q mãe é essa ? mas acho q ela tem seus motivos q mais pra frente vou descobrir quais……gostei da resenha…….vou voltar pra ele assim q as férias finalmente chegarem…..gostei do desenho foi bem o que pensei qndo comecei a ler esse livro….minha mãe pra mim tbm é meu maior bem…me dou mega bem com ela…..e sinto por isso não acontecer com a Mariana……mãe é mãe….é nosso porto seguro..quem mais ama a gente nesse mundo…..eu não imagino a minha vida sem a minha….além de minha mãe é minha amiga…tbm….
    adorei o post……já quero logo terminar de ler ele…
    bjisss
    Jaira
    Livros e Versos

  4. Eu pensei mesmo que esse livro seria ruim… o título não me agradou muito, a sinopse me pareceu sem graça… mas com as resenhas vou mudando um pouco de opinião…
    Mas concordo quando vc diz que se pudesse escolher a mãe novamente, seria a mesma. Pq para mim a melhor mãe é a minha, graças a Deus tive muita sorte com ela e com a família toda na verdade!!!

  5. Amei a resenha!
    Gostei bastante do livro também.
    Fiquei encantada com a história e com a narrativa super limpa da Maria Fernanda.
    Beijão!

  6. Já li unha outra resenha sobre ele e fiquei curiosa para ler e depois de sue post é mais um na minha lista.
    http://fashiondreamsblog.blogspot.com.br

  7. Tenho muita vontade de ler esse livro e sua resenha só aumentou essa vontade. Assim como vc, minha mãe é tudo pra mim, apesar das briguinhas e tal, não há uma pessoa que eu ame mais que minha mamy. ?? Menina, morri de rir q vc SÓ queria ser filha do Spielberg ou Allen… quer nada, né? kkkkkkkk

  8. Estou com esse livro em casa mas ainda não tive tempo de ler. Parece ser bem legal!

Os comentários estão fechados.