A Outra Vida

Edição: 1

Editora: Novo Conceito

ISBN: 9788581631516

Ano: 2013

Páginas: 272

Tradutor: Shirley Gomes

O mundo de Sherry — de uma hora para outra — mudou completamente. Por causa de um vírus muito contagioso, as pessoas que ela costumava conhecer, e quase todas as pessoas de sua cidade, Los Angeles, na Califórnia, se transformaram em mutantes assustadores. Esses mutantes têm uma força excessiva, são ágeis, o corpo é coberto de pelos, eles lacrimejam um líquido imundo e… comem gente! Portanto, não há muito o que fazer — talvez tentar fugir — quando se encontra algum deles. A não ser que você tenha ao seu lado a força e a determinação de um jovem como Joshua. Joshua perdeu uma irmã para os mutantes e sua raiva é tão grande que ele seria capaz de vingar todos aqueles que perderam alguém para as criaturas. No entanto, para que esta revanche aconteça, é preciso prudência. Afinal, até que ponto a disseminação deste vírus foi uma coisa realmente natural? Que poderosos interesses estão por trás desta devastação? E será que Joshua e Sherry conseguirão ter a cautela necessária para lutar contra as criaturas justo agora que seus corações estão agitados pelo começo de uma paixão?

proibido

Introdução

Sou apaixonada por livros desse gênero, ou seja, tive de ser bem criteriosa na hora de avaliar o livro e os personagens apresentados pela autora. Um fato interessante do livro é como a autora consegue trabalhar de forma tão criativa no meio desse gênero. Como é o primeiro livro, ou seja, saberemos mais coisas sobre esse universo descrito pela autora. É um pós apocalíptico muito diferente e que com certeza irá agradar os apreciadores do gênero e irá empolgar os que estão começando a ler livros desse gênero agora.

Narrativa

A trama gira em torno de uma garota chamada Sherry, uma menina de 15 anos e que estava em um abrigo particular com sua familia (pai, mãe e irmãos), porém a comida acaba e precisam encontrar comida.

Em uma de suas andanças por comida com seu pai,Sherry consegue fugir a um ataque de chorões e é salva Joshua, que a leva para um abrigo comunitário. O pai de Sherry não tem a mesma sorte e é capturado, porém Sherry pede a Joshua que a ajude a recuperá-lo. Aos poucos ambos vão criando amizade e carinho pelo outro. Joshua e Sherry vão atrás de comida e de sobreviventes a esse vírus, inclusive da família de Sherry que acabou ficando no abrigo particular.

Sherry apesar de sua pouca idade, mostra ser bastante corajosa e generosa. Ela faz parte de uma família bem unida, o que vamos conhecendo aos poucos.

Joshua é um garoto bem disposto a ajudar também, existem situações bem limítrofes na trama que mostram o quanto o garoto é preparado pra situação.

As criaturas que são transformadas em mortos vivos nessa trama, são chamadas de Chorões, pois são criaturas que parecem estar chorando. São bem fortes, ágeis e inteligentes. Ou seja, se estiver na frente de um, é melhor correr o mais rápido do que puder.

Diagramação

A capa é bem pensada, embora não seja esteticamente bonita, ela condiz com a narrativa do livro.

Considerações Finais

Um livro sem dúvidas que todo leitor que adora livros de apocalipse zumbi, vai adorar. É o primeiro de uma série de livros que tem tudo para dar certo, felizmente a autora conseguiu provocar a curiosidade do leitor no destino desses personagens e o que acontecerá dali em diante. Conseguiu juntar o tema zumbi com questões reflexivas de modo bem agradável e criativo. Muita ação com personagens bem desenvolvidos, ou seja, prato cheio para quem não gosta de narrativas lentas. É um dos livros do tema que mais me chamou atenção e que inclusive espero a continuação com muita expectativa.