Caixa de Pássaros

ISBN-13: 9788580576528
ISBN-10: 8580576520
Ano: 2015 / Páginas: 272
Idioma: português
Editora: Intrínseca

Caixa de Pássaros – Romance de estreia de Josh Malerman, Caixa de pássaros é um thriller psicológico tenso e aterrorizante, que explora a essência do medo. Uma história que vai deixar o leitor completamente sem fôlego mesmo depois de terminar de ler.
Basta uma olhadela para desencadear um impulso violento e incontrolável que acabará em suicídio. Ninguém é imune e ninguém sabe o que provoca essa reação nas pessoas. Cinco anos depois do surto ter começado, restaram poucos sobreviventes, entre eles Malorie e dois filhos pequenos. Ela sonha em fugir para um local onde a família possa ficar em segurança, mas a viagem que tem pela frente é assustadora: uma decisão errada e eles morrerão.

Introdução

Expecificadamente esse livro me chamou atenção desde que a Intrínseca anunciou o seu lançamento, tanto pelos comentários de leitores estrangeiros, como pelos críticos.

Em Caixa de Pássaros, cinco anos se passaram depois de um inexplicável surto. Malorie e seus dois filhos tem de enfrentar o desconhecido para se manterem seguros. Eles terão de fazer uma longa viagem, no escuro e sem abrir os olhos. Um erro, pode significar a morte.

Sobre Josh Malerman

Josh mora em Ferndale, Michigan. Além de escritor, ele é vocalista de uma banda de rock chamada The High Strung. Ele começou a escrever na quina série e ele começou a escrever uma história sobre um cachorro astrounauta. Caixa de pássaros é o livro de estreia dele. O livro foi publicado no Reino Unido e nos Estados Unidos em 2014. Em 2015, a intrínseca o lançou no Brasil. Ele ganhou um prêmio pelo livro, no Michigan Notable Book Award e foi nomeado no James Herbert Award.

FacebookInstagramTwitter

Capas pelo mundo

18498558  22350224

Narrativa

A narrativa é entre o passado e presente, Malorie é essa conexão, no presente, ela está tentando ir a outro lugar com seus dois filhos pequenos. No passado, ela estava grávida deles e onde os rumores e suicídio são frequentes.  O ritmo da narrativa se torna ágil justamente por isso. O passado é intrigante e o presente assustador. Torcemos pelos personagens? Sim. Será uma longa jornada onde enfrentarão barreiras? Sim. Terão um final esplicadinho sobre o que aconteceu e o que era o “monstro”? Não. O que torna esse livro tão especial é porque não há um ápice, o livro inteiro mantém uma sequência de fatos que o tornam muito bom. Josh consegue manter a premissa e o suspense por muito tempo, confesso, que até o final. Algo que honestamente, não encontro em livros em que o final é esclarecedor. Terminar um livro em aberto, pode ser um risco, mas Josh se arriscou e acertou em cheio. Um livro que lida com questões psicológicas, em particular, com o medo do desconhecido.

Diagramação/Capa

O trabalho da diagramação é simples, porém eficaz. Gostei muito da capa do livro e os aspectos dela são presentes em sua narrativa.

Considerações Finais

Caixa de pássaros é um thriller psicológico que vai brincar com o medo e com a tensão do leitor. É um livro altamente viciante e bem escrito. Embora pra alguns sua conclusão não seja a melhor, eu gostei muito. Há muito tempo que não sinto aquele friozinho na barriga, pra ser mais exata, desde de Nosferatu do Joe Hill.