Edição: 1
Editora: Verus
ISBN: 9788576862550
Ano: 2013
Páginas: 405
Tradutor: Ana Death Duarte

Travis perdeu a mãe muito cedo, mas, antes de morrer, ela lhe ensinou duas regras de vida – ame muito, lute mais ainda. Tendo crescido em uma família de homens que gostam de jogos e lutas, Travis Maddox é um cara durão. Musculoso e tatuado, bad boy até o último fio de cabelo, ele leva uma mulher diferente para casa a cada noite. Até conhecer Abby Abernathy. Determinada a se manter longe de problemas, Abby resiste com todas as forças ao charme de Travis, sem saber que assim só o deixa mais determinado a conquistá-la. Será que o invencível Travis ‘Cachorro Louco’ Maddox vai ser derrotado por uma garota?

]proibido

Introdução

O que falar de um livro totalmente na mente de um dos personagens mais querido pelas leitoras no mundo inteiro? Não deu outra, o livro ficou ainda melhor por se passar no imaginário de Travis. Sendo assim, tivemos uma visão muito mais interessante do que se passou tanto em Belo Desastre, quanto depois dele.

Narrativa

Fazia um tempinho que havia lido Belo Desastre, e ler Desastre Iminente, deu um novo resumo do que aconteceu. Sim, o anterior tinha a visão de Abby, agora temos a visão de Travis em jogo. Preciso dizer que a história ganhou um novo frescor? Acho que não né. Ali mostra exatamente o que já previamos e mais um pouco. Entrar em contato com os pensamentos do personagem o aproxima ainda mais do motivo pelo qual todas suspiram por ele. A intensidade dos sentimentos por Abby são tão intensos e cada vez mais compreensíveis ao longo da trama. No outro livro não viamos tanto o esforço de Travis, nesse é praticamente o centro da trama. Ele luta por esse amor, mais do que luta quando está em um ring. O que mais me surpreendeu foi a maturidade que vai aflorando em Travis, a consciência que os mundos deles são diferentes e o quanto isso pode dar errado, mas ele fará tudo o que for ao seu alcançe para merecer aquela mulher.

Que me perdoem os fãs do casal, mas ainda continuo achando que Abby é um mera moldura na trama, no qual muitas leitoras queriam estar. Mesmo aos olhos de Travis, não consegui sentir o quão ela é especial.

Jamie acertou muito em dar aos fãs essa versão. Com certeza muitas ficaram satisfeitas com o resultado. O efeito Travis nas leitoras é praticamente um vírus. Não há relatos de pessoas que não gostaram do personagem. Provavelmente ele é de 99% das pessoas que leram. O que mais me intriga é que ele não é sinônimo de perfeição, mas o efeito Travis está por toda parte. Ele muda por aquela que ama e isso é um caso raro. Talvez esse seja o grande motivo do vírus. Ele está disposto a tudo, coisa que no mundo real é raro. Além de ser bonito, tatuado e um bad boy de primeira.

Diagramação

Capa que cria uma harmonia com o livro anterior. Diagramação também é muito próxima. Auxilia na leitura e faz você perder o sono.

Considerações Finais

Assim como em Belo Desastre, Desastre Iminente também me fez perder o sono, ou seja, só fui dormir quando tinha terminado. O livro passa por vários ambientes do livro anterior, não tinha lido nenhuma sequência que fizesse isso de uma forma tão fechadinha.

Meninos leitores, leiam esse livro. Se algum dia precisarem encantar uma garota bookaholic, provavelmente ela já se apaixonou pelo Travis. #dica