Me Abrace Mais Forte


ISBN-13: 9788501105820
ISBN-10: 8501105821
Ano: 2015 / Páginas: 224
Idioma: português
Editora: Galera Record

Introdução

Em Me abrace mais forte, Tiny Cooper, é um personagem icônico e em forma de um roteiro musical, acompanhamos sua trajetória de vida do início até o ensino médio, momento em que o conhecemos. O roteiro conta com a participação do fantasma do fantástico Oscar Wilde e também conta com detalhes da vida amorosa de Tiny, contendo todos os seus relacionamentos com seus ex-namorados, a relação com os pais e o encontro com o amigo, Will Grayson. Tiny é um personagem e tanto, confesso não ter gostado de Will & Will, mas Tiny era um personagem que havia me tomado total atenção e a experiência foi mais do que positiva, foi brilhante.

Esse é o quarto livro que leio do autor, fiz a resenha de Garoto encontra garoto e Dois garotos se beijando. Esse livro tem grande referência ao livro Will & Will, livro que o autor escreveu juntamente com John Green.

Sobre David Levithan

David Levithan é um editor de livros infantis e um autor norte-americano premiado. Publicou o seu primeiro livro, Boy Meets Boy, em 2003. A obra de Levithan tem provocado protestos de conservadores de direita.

Site oficialTwitterFacebook

Edições estrangeiras

22736613 26088934 26327514 25569718

Narrativa

O musical é escrito por Tiny e temos a história divida em dois atos. No primeiro ato, sabemos aspectos específicos da vida de Tiny antes de assumir sua sexualidade. No segundo, é feito após ele assumir e reação de todos é bem positiva e ele fica muito mais tranquilo diante da situação.

A narrativa é deliciosa e super divertida. A todo momento pude sentir o carisma do protagonista e me parece que David se divertiu bastante com toda a trama. O livro é tão curtinho, mas acaba por ter um timing muito agradável, o suficiente para você fazer releituras e lembrar novamente como Tiny é um querido e é dotado de um carisma muito exorbitante.

Capa e diagramação

Confesso que a capa do livro não me chamou atenção, principalmente pois usam duas cores que sinceramente, não gosto: dourado e amarelo. Uma combinação que chama atenção, mas que no fundo, não quer dizer muito. A diagramação do livro é confortável, alguns erros foram encontrados, mas nada que atrapalhe a leitura.

Considerações finais

Me abrace mais forte, é um livro agradável, divertido e muito bem estruturado. O autor fez um livro original, engraçado e cheio de boas referências. Não tem como não se apaixonar por Tiny e nem pelo que ele tem a mostrar. Ele quer um grande amor, ele quer ser feliz do jeito que é, e acha que nada vai impedi-lo.