Pó de Lua

Edição: 1
Editora: Intrínseca
ISBN: 9788580575705
Ano: 2014
Páginas: 192

Em 2011, discretamente, a publicitária Clarice Freire criou no Facebook uma página para reunir seus escritos e desenhos. Batizou-a como ‘Pó de Lua’, sua receita infalível ‘para tirar a gravidade das coisas’. Desde então, ela vem conquistando uma legião de fãs fiéis e engajados, que se encantaram com a delicadeza de seus pensamentos, seu humor sutil e o traço despretensioso, que combina desenho e até fragmentos de palavras. Entre eles, estão personalidades como a atriz Grazi Massafera e a apresentadora Ticiane Pinheiro. Da internet para as páginas de um livro, foi mais um salto para a jovem autora recifense. Ela surpreende seus admiradores com uma proposta diferente. Pó de lua, o livro, tem o formato de um dos cadernos moleskine em que Clarice exercita sua criatividade. Inspirada pelas quatro fases da lua – minguante, nova, crescente e cheia – ela trata em frases concisas e certeiras de sentimentos como a saudade, o medo, a paixão e a alegria, sempre em sua caligrafia característica, ilustradas com muitos desenhos.

proibido
 

Introdução

Pó de Lua é o livro de estreia da autora pernambucana Clarice Freire. Para os que estão menos aluados, Pó de Lua nasceu de um blog e se transformou numa fanpage. Com vários seguidores, Clarice escreveu esse livro, não só para os seguidores, mas os próximos que surgirão através do mesmo (meu caso, confesso).

Em Pó de Lua, dividido em 192 páginas (poderiam ser mais :(), há ilustrações, jogo de palavras e poesias sobre a vida: busca do sonho, desilusão, libertação e viver a vida com plenitude. É um passeio diferente, nostálgico, agradável, suave que fará o leitor diminuir a gravidade com facilidade.

Narrativa

Diferente de um livro comum, nesse não encontraremos capítulos. O livro é dividido em fases lunares. Não há um personagem em si, mas há pensamentos, dúvidas e afirmações que foram acontecendo ao longo da vida da autora. A simplicidade ganhando destaque e ver a vida dessa forma torna tudo mais leve e divertido. Com desenhos feitos a mão, fofuras e que tem o poder de deixar o leitor fascinado.

Diagramação

É um capítulo à parte, tanto a capa como internamente, tudo é tão bem feito. Quando vi o exemplar na Bienal, consegui folheá-lo e a primeira impressão é a que ficou. O excelente trabalho não só da editora como da autora. É uma lindeza. Com certeza, acertaram no ponto (até no formato).

Considerações Finais

Pó de Lua é uma parcela do modo como a autora vive a vida. Como a simplicidade torna tudo mais leve e prazeroso.  Leitura rápida, mágica e de fácil compreensão. A vontade é de fazer um looping de leitura. Assim que termina o livro, o relê novamente por várias e várias vezes.