A Fofa do Terceiro Andar
ISBN-13: 9788501104595
ISBN-10: 8501104590
Ano: 2015 / Páginas: 144
Idioma: português
Editora: Galera Record

Introdução

Em A Fofa do terceiro andar, Anna Vitta é uma garota apaixonada por literatura e é bastante caseira. Ela adora ler enquanto as outras garotas gostam de sair e fazer compras. Ana sempre foi gordinha e isso não a incomodava, até que ela começou a se preocupar com isso. Na escola viva cercada de apelidos dados pelos seus colegas e aos seus 14 anos, ela quer se sentir bem consigo mesma, cria um diário onde vai contar sobre como sua vida está prestes a mudar.

Sobre Cleo Busatto

Cléo Busatto é artista da palavra. Como escritora publicou seu primeiro livro Dorminhoco, em 2002, e não parou mais. Autora de mais de 20 obras, entre literatura para crianças, teóricos sobre oralidade e CD-ROMs, que venderam em torno de 190 mil exemplares. Eles fazem parte de programas de leitura e catálogos internacionais. Colaboradora de jornais e revistas especializados.

Narrativa

A narrativa é feita por Anna em uma forma de escrita em seu diário, ela relata grande parte dos seus dias de uma forma bem sutil e dinâmica. Aos poucos, vamos conhecendo Anna enquanto ela mesma está se conhecendo através da sua escrita. Ela aparenta ser alguém um pouco madura pra sua idade, mas também leva muitas inseguranças que são bem comuns nessa fase de transição.

O bullying é colocado em pauta, mas sem o didatismo, o que torna a leitura bastante leve. A vida de Anna tem alguns fatos engraçados, para não dizer trágicos, mas a leitura em nenhum momento fica sobrecarregada. A mudança alimentar e a rotina que passa a levar, também é incentivadora. Acredito que o público que é destinado a trama, consegue encontrar muitos dos desafios no seu cotidiano e que seriam vistos por um ponto de vista novo e até desafiador. Não adianta cruzar os braços, tem de encarar de frente, a ousadia de Anna e a força de vontade são maiores do que as chacotas que a garota sofre durante o processo de mudança.

Projeto gráfico

O livro ficou impecável, gostei bastante da diagramação e da capa. É simples e ao mesmo tempo, sofisticado. Às vezes, os menos é mais.

Considerações finais

A Fofa do terceiro andar, é um livro curtinho, doce e bastante divertido. Anna é carismática e leva o leitor pra sua jornada na busca da sua própria identidade e seus novos desafios. O livro poderia ser maior, adoraria ficar um pouquinho mais nessa trama. Uma leitura que sem dúvida, me tirou da depressão literária e provocou alguns sorrisos no rosto. Espero que Cleo continue escrevendo no gênero, pois demonstrou muito talento em escrever para um público diferente do que estava acostumada.